Warner Bros. compensará cineastas por lançamentos na HBO Max

41
HBO Max/Divulgação

Por causa do cenário causado pela pandemia do coronavírus, a Warner anunciou que lançará todos os seus filmes de 2021 simultaneamente nos cinemas e no streaming HBO Max, decisão que causou polêmica com diretores como Denis Villeneuve e Christopher Nolan. Para diminuir a infelicidade dos seus cineastas, o estúdio acertou um novo acordo que distribuirá uma porcentagem maior do dinheiro recebido para lançar digitalmente suas produções.

De acordo com uma reportagem da Bloomberg, a Warner também cortará pela metade o valor de bilheteria necessário para liberar a cláusula de participação nos lucros de profissionais que cujos contratos prevejam o item. Além disso, a empresa também permitirá que mais trabalhadores possam adicionar a cláusula em seus vínculos.

Longas que estão na lista definitiva de lançamentos simultâneos no cinema e no HBO Max são: The Little Things, Judas and the Black Messiah, Tom & Jerry: o Filme, Mortal Kombat, Those Who Wish Me Dead, Invocação do Mal 3, Em um Bairro de Nova York, Space Jam: Um Novo Legado, Reminiscence, Malignant, The Many Saints of Newark, King Richard e Cry Macho.

Os longas seguirão o modelo de Mulher-Maravilha 1984, que estreou em 25 de dezembro tanto na HBO Max quanto nos cinemas dos EUA.