A carroça de boi de Garanhuns

35
Foto: Pintura: Jean Baptiste Debret

Se você é dos que gosta de ir a cidade de Garanhuns no Festival de Inverno, cuidado nas noites de sono por lá. Há muito tempo, uma mulher decidiu viver sozinha enclausurada em sua casa. Dizem que ela era muito má, ninguém gostava dela e não tinha parentes.

Quando faleceu, ninguém ficou sabendo e tampouco foi lá fazer o enterro. Alguns fazendeiros vizinhos decidiram colocar o corpo da mulher em uma carroça de bois e deixá-lo vagando por aí, sem destino. Há quem diga que à noite, quando você está prestes a dormir, uma carroça com bois passa na rua fazendo barulho, ainda carregado o corpo da mulher e procurando um lugar para enterrá-la.